Páginas

quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Para. Samira.

Talvez ninguém perceba mas eu estou aqui e te vejo muito triste, isso não é o que ati foi destinado.

Procura mudar para que voltes a ser como eras, o que houve foi somente a morte daquele corpo que já não era mais possível seguir como estava, por isso teve fim, e foi só o que houve.

Acredites eu continuo vivo e bem, todos vocês irão passar por este processo.

Portanto não tenha medo e nem fiques nesse grande sofrimento que para nada tem serventia.

Levanta tua cabeça e muda os pensamentos, pensa somente no bem, na felicidade.

Vive tua vida na alegria, esquece esse sofrimento, deixa tudo para lá e procura os lugares alegres, principalmente quando estiveres nessa depressão que tanto te abala.

Vamos seguir em frente, segue em frente foi para isso que ganhastes esta vida, a tua vida.

Joel Motta.

Psicografia de.
Júlio Amaral 06/12/11 02:00h.

3 comentários:

claudia mota disse...

Estou muito emocionada com a msg que acabei de encontrar, pois apesar de não conhecer nenhuma Samira, eu conheci um Joel Motta e ele foi meu pai, não sei se é a mesma pessoa, mas espero de coração que seja ele sim que enviou esta mensagem, gostaria de maiores detalhes se possível.
abraço

cláudia

Júlio César A. C. disse...

Claudia, por favor mande e-mail para mim.

jantenas@terra.com.br.

Obrigado.

Júlio Amaral.

Anônimo disse...

Oi se for posivel queria receber noticias do meu pai aparecido machado da silva falecido a dois anos obrigado